Posts Marcados Com: Santos Futebol Clube

Riquelme + 10!

ImagemNão sou de comentar especulação, acho que não é correto, especialmente se você trabalha ou dirige um clube, mas convenhamos, se especulação de contratação de futebol fosse esporte, o Brasil seria medalha de ouro.

Soube por fonte segura – e acho que todos souberam – que Roman nos foi oferecido durante a janela de transferências. Soube por fonte segura que o Santos negou a contratação alegando que o craque argentino não se enquadrava no perfil de talentos buscados pelo clube.

Ao que parece, graças ao fracasso nas inúmeras contratações tentadas ou ao menos especuladas, o perfil mudou e Riquelme pode, de fato, estar chegando.

Seja pela razão que for, minha opinião é que trata-se de uma excelente contratação.

Primeiro porque é craque. Segundo, e não menos importante, é contratação de alto impacto midiático, uma forma do Santos ter uma exposição mais positiva nos meios de comunicação e de conseguir melhores públicos, especialmente rendendo-se ao óbvio e jogando mais no Pacaembu.

Por fim, vejo que a simples presença do craque portenho no CT Rei Pelé, ajudaria muito aos jovens jogadores que tentam ainda se firmar, do tipo “Felipe Anderson, olhe e aprenda”.

Espero que o plano B, C ou D da direção santista não seja mais um naufrágio de nosso navio centenário e possa ser em breve comemorado. Então, por ora, é Riquelme e mais 10. Aos outros 10:

1)   Rafael Moura: que bom que não vem mais. Nada contra o centroavante que é forte, voluntarioso e nada mais. É que pela grana que vinha sendo especulada você criaria dois problemas, o primeiro o de pagar e o segundo, mais grave, o de explicar a quem ganha menos o motivo da diferença. Era uma tentativa desesperada de contratar um jogador que a mim não é sequer melhor que Bill. Em tempo, He-man fez 21 gols pelo Fluminense em 2011 e Bill, 25 pelo Coritiba.

2)   Patito: Isso me lembra Usuriaga!

Imagem

Aos mais jovens, Usuriaga era um colombiano forte que chegou como grande esperança naquele combalido Santos de 1996. Em 22 de agosto fez sua única partida, na vitória contra o Fluminense (1 x 0) que testemunhei no Ícaro de Castro Melo (Ibirapuera) onde não se joga mais. Problemas de documentação fizeram o jogador ser devolvido. Espero que essa triste lembrança seja só isso mesmo. Mas que parece, parece.

3)   Neymar: Arrebentando em Londres, como de costume.

Me entristece um pouco perceber esse movimento de responsabilizá-lo quase que exclusivamente pelo sucesso ou insucesso da Seleção, olímpica ou principal. Ele vai precisar de muita estrutura até a Copa, é um menino, devemos lembrar. Nunca escondi que não aprovo Mano Menezes e seu medíocre currículo no comando da Seleção, mas não consigo torcer contra, por Neymar. Que venha o ouro!

4)   Muricy: Finalmente assinou a renovação do contrato no qual dizem haver uma cláusula de liberação em caso de Seleção Brasileira. Normal, mas não estranharia se ele não terminasse o ano no Santos em caso de insucesso nos Jogos Olímpicos. É preciso estar atento.

5)   Muricy (2): Voltou a girar a metralhadora após a vitória sofrida contra a Ponte. De curioso, o fato de pela primeira vez o nome de Felipe Faro – superintendente de futebol – ser citado pelo técnico. Coincidência ou o técnico, ciente do grande poder que tem junto aos meios de comunicação, resolveu começar a dar nome aos bois direcionando suas criticas? Aguardemos!

6)   Anderson Carvalho: Esse rapaz foi tão bem nas poucas oportunidades que teve no Paulista e sumiu. Espero que os desfalques de Adriano, Arouca e talvez Henrique, possam significar nova oportunidade ao jogador.

7)   Victor Andrade: Que beleza! Acho que estamos diante do nascimento de um novo craque. Devemos mesmo ter calma, mas empolga ver a tranqüilidade do menino de 16 anos, quarto jogador mais jovem a estrear em 100 anos (perde para Edu, Clodoaldo e Pelé). Evoé!

8)   Renda: O Santos F.C., clube centenário e conhecido em todo o planeta, PAGOU R$ 14.470,47 para jogar diante da Ponte Preta. Esse foi o resultado liquido da renda proporcionada por 4.261 pagantes no último domingo.

Tirem suas próprias conclusões, já me manifestei sobre o tema (aqui).

Apenas para constar, o Pacaembu estava livre.

9)   Aproveitamento: Atualizando a análise que fizemos no post anterior. O Santos precisa hoje das seguinte medias de aproveitamento:

  • Para escapar do rebaixamento o Santos precisará de 40% dos pontos que restam em disputa
  • Para o título: 76%
  • Para a Libertadores: 64%

10) Ganso: Soube há pouco de que o atleta corre risco de ser cortado da Seleção por nova (?) contusão. É mais do que falta de sorte.

Não sou médico e nem Mãe Dinah, mas aparentemente, o rapaz precisará de cuidados especiais ao longo de toda a carreira. Imagino que a cabeça atrapalhe também.

O presidente LAOR, que voltou a falar diariamente, vem dando a entender que o ciclo de Ganso na Vila está encerrado. Não concordo com essa postura já que mesmo sendo verdade, desvaloriza o atleta no mercado e junto ao torcedor. Foi o que tentei dizer aqui, falando longamente sobre o assunto.

Me impressiona que ninguém seja capaz de fazer que o camisa 10 veja o mal que está fazendo a si próprio (e como é mal assessorado). Futebol profissional é performance e imagem, às vezes até mais imagem. Vejam o paradoxo, Neymar ganha milhões e tem a imagem do desapego de quem joga com alegria – a ponto de recusar ofertas do exterior – Ganso, ganhando uma “merreca” é tido como mercenário. Será difícil desvencilhar-se disso, uma pena.

No mais, sugiro ao Santos serenidade, calma e insistência para não deixar o garoto sair pelos fundos. Se for impossível, ao mercado nacional, nada menos que a multa.

Era isso, até a próxima.

Categorias: Uncategorized | Tags: , , , , , , | Deixe um comentário

Blog no WordPress.com.